Náutico chega a 36 atletas acionados em 2020

Postado em 11 de Fevereiro de 2020

 Yago Mendes /Diario de Pernambuco

 

O planejamento da temporada do Náutico vem seguindo a risca a ideia do revezamento do elenco nas competições do primeiro semestre. Isso se reflete na grande quantidade atletas utilizados nas oito primeiras partidas do ano. Somando-se os nove jogadores que fizeram os primeiros jogos em 2020 diante do Afogados da Ingazeira, na última segunda-feira, pelo Estadual, o Timbu já acionou 36 jogadores, número próximo aos 41 que entraram em campo durante todo o ano de 2019. 


O jogo diante da Coruja marcou a estreia de Hereda, lateral que foi titular absoluto na campanha do título da Série C de 2019. Além dele, o goleiro Halls, contratado junto ao Vasco fez sua primeira participação, mas não apenas na temporada, e sim na carreira profissional, já que ele estava nas categorias de base do clube carioca. Somados ao arqueiro, os jovens Thássio, Júnior Carpina, Luís Felipe, Erick Cunha, Eric Bahia, Wanderson e Júlio também debutaram entre os profissionais contra a equipe do Sertão.

Entre os mais acionados estão o atacante Erick, uma das principais contratações do Náutico para o primeiro semestre, e o volante Rhaldney, prata da casa que vem recebendo oportunidade com o técnico Gilmar Dal Pozzo como segundo volante durante a ausência de Jhonnatan. Ambos fizeram seis dos oito jogos em 2020 até o momento. 

Destaque da temporada até o momento com participação direta em dois terços dos gols marcados pelo Timbu em 2020, o meia Jean Carlos participou de apenas cinco jogos. Mesmo número do atacante Matheus Carvalho, que é o artilheiro da equipe no ano com três bolas nas redes adversárias. Além deles, outros titulares têm o mesmo número como o goleiro Jefferson, os laterais Bryan e Wilian Simões, o zagueiro Ronaldo Alves e o volante Luanderson. 

Alguns dos jogadores que carregavam bastante expectativa de frequentar o time titular no início da temporada tiveram sua participação bastante abreviada devido à lesões. Foram os casos de Álvaro (3 jogos), Kieza (3 jogos), Jorge Henrique (2 jogos), Josa (2 jogos) e Jhonnatan, que sequer estreou com a camisa alvirrubra em 2020.
© 2020 Palmares Fest. Todos os direitos reservados